Pesqueiro Paraíso Verde – O potencial de Goiás na pesca esportiva com nossos colaboradores


Local: Pesqueiro Paraíso Verde - Campo Limpo – Goiás

Olá pescadores e leitores do Fishingtur!

Como fiquei um tempo sem enviar matéria, estou aqui de volta pra mostrar que os pesqueiros de Goiás continuam dando show de peixes. E para mostrar que os peixes estão ativos, não poderia ter escolhido outro pesqueiro a não ser o Paraíso Verde Pesca e Lazer, que em minha opinião além de ser um dos melhores da região e até do estado, é um pesqueiro que pode ser considerado do mesmo nível de muitos pesqueiros de São Paulo. Antes de mostrar como foi a pescaria, queria mostrar a foto de um dublê que fiz com outro pescador em minha última pescaria antes do inverno, com direito a meu novo recorde pessoal com uma pirarara de 21,760kg. Emoção fora do normal.

Pirararas 27 e 21 kg

Bom, agora vamos a pescaria de abertura da temporada pós-inverno 2010, e abrindo com chave de ouro. Cheguei ao pesqueiro eram 8 e pouco da manhã e para minha surpresa o dia estava sem vento, o sol queimando e só um casal de pescadores no lago. Escolhi o meu local preferido e comecei a armar meus materiais, muitas cachapiras na beirada e outras nadando pela superfície, comecei usando 4 materiais, um com boia torpedo, chicote comprido e geleia de mocotó e as outras três de fundo em busca dos peixes de couro, duas com tilápia morta e o material mais leve com salsicha encostada num punhado de capim que tinha num canto do lago e mantinha a salsicha na superfície, a esperança de entrar alguma cachapira. Quando era umas 10 horas meu material leve que estava no canto dobrou e saiu tomando linha, puxada estranha sem fazer muita força mais fazendo muito peso, em uma única arrancada tomou quase toda linha do carretel, mas para minha felicidade uma linda pirarara de 17 kg encostou e um funcionário me ajudou a retira-la do lago com cuidado. Um espetáculo, pois estava usando uma vara albatroz de 8lbs e linha de monofilamento 0.40mm.

Pirarara - Bruno

Logo em seguida na boia torpedo com geleia de isca, esse belo tamba de 13 kg veio pra animar o dia.

Tambacu

Depois desse peixe, uma paradeira geral e uma ventania que desanimava qualquer um, enquanto isso recebi a companhia de dois amigos pescadores, os gêmeos Pedro Augusto (de camisa branca) e o Pedro Henrique( de camisa azul), e mais um amigos, o Márcio, que chegou logo depois para bater um papo, fazer bagunça e sair nas fotos. Tirei a torpedo e coloquei uma cevadeira das Boias Barão de 65 gr, chicote comprido e ração na pinga de isca e os resultados começaram a aparecer mesmo com o vento contra.

Tambacu - Bruno

Tambacu - Bruno e Marcio

Com um pedaço de salsicha o Pedro Augusto fisga uma cachapira no canto do lago mas por problemas na câmera deles perdemos as fotos em que ele segurava ela.

Cachapira

E os tambas não davam chance depois de chicotes estourados mais alguns vieram pra foto, e até uma tilápia veio para mostrar a variedade de peixes do lago.

Tilápia

Tambacu

Ao escurecer, os meninos queriam pegar a tal pirarara, já que não tiveram muita sorte com os tambas, então peguei o material de pesca pesado deles, coloquei uma tilápia no anzol de um deles e um pedaço de salsicha no outro e armei numa lateral que estava vazia, e logo após 20 minutos escuto a catraca da carretilha com tilapinha de isca gritar, saí correndo pois estava mais perto, recolhi um pouco e confirmei a fisgada, briguei um pouco com o peixe e entreguei pro Pedro Henrique que era o dono do material, era possível ver os olhos do menino brilharem com o monstro na ponta da linha e seu irmão do lado ajudando. Ao ver o tamanho da pirarara o coração foi a mil e mais um comemorando seu recorde pessoal no Paraíso Verde. Recorde pessoal dele 21,740kg.

Pirarara

Peixe fotografado e liberado, mais uma tilapinha no anzol e isca na água, 10 minutos se passaram e de novo catraca gritando, corrida e mais uma pirarara fisgada, dessa vez um pouco menor 18kg, mas veio para fechar com chave de ouro.

Pirarara

Após a pesagem voltei para desmontar os materiais e percebo que meu molinete tinha puxado nesse tempo que fomos pesar e perdi mais de 80 metros de linha. Mas para recomeço pós-inverno já valeu. Segue abaixo as fotos da pescaria que fiz antes do inverno com a companhia do Márcio e o Vinicius.

Um grande abraço a todos! E vamos aproveitar praticando sempre a pesca esportiva!!!

Bruno Palma

AGRADECIMENTOS

Pesqueiro Paraíso Verde Pesca e Lazer Campo Limpo de Goiás – GO

#ParaísoVerde #CampoLimpodeGoiás #Goiás #Peixedecouro #PescariadeRedondos #Emoção #Adrenalina #Amizades

6 visualizações
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

bruta.png
Lumis.png
Enz Miçangas e evas
LogoSimon.png
girls fishing lovers.png
Logo.png
universo da pesca.png
Oculos Matuto.png
ESTILO GOIANO.png
go pro 1.png
massa paturi.png
boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Logo Completo Colorido recorte.png

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Logo Step quadrado Tranparencia.png

Step'lc Confecções

Rua Nova Cidade - Vila Olímpia - São Paulo - SP

273.441.558-50

fishingturpesca@gmail.com

Prazo de Entrega da Loja de 10 a 14 dias úteis

Fishingtur Pesca e Turismo 2007