Últimas Reportagens

Rio São Benedito I – Veja como foi a nossa viagem e conheça a Pousada São Benedito

31/07/2018

Local: Rio São Benedito  -  Alta Floresta – MT
Data: 13 a 19 de novembro de 2009
 

(Parte I)

 

    Olá amigos!


   Nossa equipe realizou uma fantástica pescaria nas águas do Rio São Benedito em Alta Floresta no Mato grosso, divisa com o estado do Pará, em plena Floresta Amazônica. Foram cinco dias de pesca com ações o tempo todo. O Rio é totalmente preservado não só pelos moradores da região como pelo exército brasileiro. No Rio São Benedito a Pesca Esportiva, ou o pesque e solte é obrigatório. Aqui não se mata peixe. O pescador pode até achar estranho mas depois de ver a quantidade de ações e peixes fisgados durante o dia vai compreender qual é a importância do pesque e solte obrigatório. Ao contrário de outras regiões do Brasil onde você pode ficar até um dia inteiro sem fisgar um peixe, aqui você tem ação o tempo todo, seja na pescaria de Jaús e Pirararas como na pesca de Cachorras, Bicudas e Tucunarés, isso sem falar nos jacundás, Jundiás, Marinxãs, Pacus e grandes Corvinas.


  Em uma semana de pescaria fizemos as gravações para o Programa Pesca e Prosa para a TV em rede nacional, gravamos o DVD que estará sendo lançado nos próximos dias com toda a nossa viagem e vamos fazer uma série de 6(seis) reportagens para o nosso site. Estamos trabalhando na edição do DVD e das reportagens a mais de 15 dias. Temos mais de 4 horas de vídeos e mais de 490 fotos. Vamos começar nossa viagem agradecendo aos nossos patrocinadores e parceiros que nos ajudaram muito para que essa viagem fosse concretizada e em seguida, passo-a-passo os detalhes de nossa viagem.


     A equipe Fishingtur está de parabéns pelo ótimo trabalhado desenvolvido durante a viagem. Agradecemos ao Marcos, Sandro e Leandro da Pousada São Benedito pela oportunidade e confiança em nossos trabalhos. Tudo certo, dias antes da viagem uma correria louca atrás dos últimos equipamentos, linhas, iscas, varas, até que na quinta-feira dia 12/11 todos já estavam com as malas arrumadas, menos eu. Na sexta-feira de manhã eu ainda estava na loja da King Fisher pegando as últimas iscas com nosso amigo Alessandro. Ufa ! Agora sim, era só ir para o aeroporto e embarcar.


    Chegamos ao aeroporto por volta das 16 horas de sexta-feira, fizemos o chek-in e aguardamos o embarque as 18:42h. A cada instante a ansiedade nos corria por dentro. A vontade de chegar logo era grande e a hora não passava. A companhia aérea que nos levou de Cumbica-Sp até Alta Floresta no MT foi a TRIP Cia Aérea. Embarcamos no avião Embraer 175 com capacidade de  até 86 passageiros e que chega a velocidade de 911km/h. Voamos nesta aeronave até Cuiabá e durante o voo muita diversão e belas imagens. Ao chegar em Cuiabá, esperamos cerca de 25 minutos a conexão  e seguimos em outra aeronave com destino a Alta Floresta no MT.


    A segunda aeronave era a ATR 72 com capacidade de 68 passageiros e voa a uma velocidade de 470km/h. Esta aeronave diferente do primeira, é movida a grandes hélices e não a turbinas/jato. Confesso que todos nós ficamos assustados a princípio, mas depois de uma breve conversa com o pessoal do aeroporto ficamos sabendo que este ATR é uma das aeronaves mais seguras do mundo. Depois de uma pouco mais de 1:30 horas de voo aterrizamos no aeroporto de Alta Floresta, onde fomos recebidos por toda a equipe da Pousada São Benedito. Arrumamos as tralhas na Pick-up e partimos para a Pousada, mas antes de pegar a estrada, paramos na cidade para comer um lanche antes de enfrentar os 160km de estrada de terra até a pousada.


    Assim que saímos do aeroporto fomos surpreendidos por um bando de Capivaras, fato comum para os moradores da região, mas uma novidade para nós da cidade grande. A viagem é tranquila, a estrada tem boas condições e o tempo passou rápido mediante as histórias e causos contados por um dos donos da pousada que estava nos levando até o nosso destino.


    Chegamos por volta das 4 horas da manhã, arrumamos nossas coisas no apartamento e, o Júnior e o Sr. Adimir foram dormir. Eu e o Felipe resolvemos arrumar as tralhas para as 6 horas da manhã já ir pescar. A pousada é super aconchegante, tudo muito limpo e o melhor de tudo: Não tem insetos como o mosquito, borrachudo ou pernilongo. Eu levei três vidros de repelente e não precisei usar nenhum deles. Segundo nosso amigo Leandro, um dos donos da pousada, as águas do São Benedito são bem ácidas, o que impede a procriação desses insetos na região.


    Era comum logo ao amanhecer ou ao entardecer nossa equipe ficar sentada na beira do barranco tomando uma cervejinha só de bermuda  e de camiseta. É impressionante mas é verdade, o pescador pode passar uma semana aqui e voltar sem as desagradáveis picadas de borrachudos e outros insetos. Com certeza esse é um diferencial que você só vai encontrar aqui na Pousada São Benedito. A Pousada tem cinco chalés individuais para até quatro pessoas cada. A parte interna dos chalés é muito ampla e com bastante espaço. Tem 4 camas de solteiro, roupas de cama, edredom, ar condicionado e banheiro privativo com chuveiro quente. Ao lado dos chalés fica o restaurante  seguindo em direção ao rio o pescador encontra uma enorme área coberta para um bom bate-papo, para deixar a tralha e contar as mentiras do dia.

Saindo desta área você já avista o grande Rio São Benedito. A distância dos chalés até o Rio é menos de 150mts.

     Em frente a pousada, toda a margem do rio é feita de grandes decks de madeira, garantindo toda comodidade ao pescador. Segundo histórias dos donos da pousada, neste local eles sempre deixam algumas varas armadas durante a noite e por várias vezes eles encontraram equipamentos sem linha, linhas estouradas e até varas perdidas. Grandes peixes veem se alimentar bem nas margens da pousada durante a noite. Mistério…. A pousada possui 10 barcos com motores e assentos novos.


    Assim que o dia amanhecia, nossa equipe era acordada pelo pessoal da pousada e o café já estava na mesa. Normalmente é servido um grande banquete nas refeições, mas como estávamos sozinhos na pousada, tudo foi bem mais simples mas com muito sabor. O almoço e o jantar sempre com pratos diferentes como a costela assada, fraldinha na brasa, feijão tropeiro, peixes assados, caldo de piranha e muitos outros. Em toda a viagem, o contato com a natureza é constante. Animais de várias espécies e muitas aves sempre nos acompanhando na pousada e nas pescarias. As aves davam um espetáculo a parte. Maritacas, Araras, Jacutingas e diversas outras aves faziam do silêncio uma arena musical.

O mascote da pousada é um Jacú que fica o tempo todo entre os pescadores. Milhares de borboletas, cores e tamanhos, gafanhotos, lagartos, pererecas entre outros animais estavam presentes. Toda a área da pousada é gramada e muito  rica em árvores e outras plantas e o Rio São Benedito tem uma beleza ímpar.


E assim foi a nossa semana, regada a muita pescaria, muita mordomia em um lugar fantástico com a companhia de grandes amigos que são os donos da pousada.

 

Gostaria de agradecer a todos da Pousada São Benedito a a todos os patrocinadores e colaboradores desta pescaria.


Fotos por Marcio David, Adimir, Felipe, Júnio e Leandro


Texto por Marcio David
 

Abraços!


Marcio David
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


AGRADECIMENTOS


Pousada São Benedito

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca...

Please reload

boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

Varas Ultralight Luck Lure

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Fishingtur Pesca e Turismo 2019