Últimas Reportagens

Pesqueiro e Pousada Miachon - Um paraíso no interior de SP

04/09/2018

Local: Fazenda Miachon  -  Vargem Grande do Sul – SP
Data: 18 e 19 de Abril de 2009

 

Olá Amigos

 

Nossa equipe foi convidada a conhecer a Fazenda Miachon na cidade de Vargem Grande do Sul a aproximadamente 250km da capital paulista. A +-80km de Mogi-Mirim.

 

Seguindo pela Rodovia Anhanguera até o km 86, entre a direita sentido Mogi-Mirim e siga pela Rodovia Adhemar de Barros até o Km 172 e depois pela Rodovia Mario Beni.

 

Siga as placas para São João da Boa Vista e Vargem Grande do Sul. Entrar na saída para São João da Boa Vista, Rodovia Tomas Vaqueiro, seguindo as placas para Vargem Grande. Você vai passar pela entrada do Pesqueiro Capituba e do Hotel Fazenda Morada do Sol.

 

Pegue a primeira saída para Vargem Grande do Sul, siga pelo Bairro Polar, atravessando a cidade em direção a estrada ITOBI-VARGEM GRANDE. Siga por essa estrada por +- 3km e entre a esquerda na placa do pesqueiro na estrada de terra por +- 4km.

 

O lugar é de uma beleza fora do comum. Mas isso vocês vão ver no decorrer da matéria. Vou começar mostrando a foto aérea do local.

 

Só para vocês terem uma idéia de tamanho. O lago principal tem o tamanho de 3 lagos do Tio Oscar, em um total de 88 mil metros quadrados. São mais 13 lagos além desse principal.

 

Seguindo na foto de baixo para cima vocês podem ver o lago principal com 88.543mts, logo em cima o segundo lago com 13.750mts, o terceiro com 6.804mts e o último com 9.300mts.  Os demais e menores lagos variam de 1.200mts a 3.600mts cada.

 

Nos 4 maiores lagos você pode pescar embarcado. O pesqueiro tem 2 barcos de alumínio, onde você pode usar os remos, levar um motor elétrico ou até levar o seu próprio barco. basta se informar antes com a direção da Fazenda.

 

Os lagos tem águas cristalinas e em muitos pontos você consegue ver bem abaixo da superfície.

 

No lago principal tem muitos pintados e pirararas de até 25kg, pirarucus de até 35kg, muitos dourados que chegam a 15kg e tucunarés, além de todas as espécies normais em pesqueiros. Nos outros lagos maiores tem todas as espécies exceto o pirarucu e pirarara que estão somente no lago principal.

 

Os lagos tem muitos pontos de pesca que não tem como chegar pelas margens possibilitando assim uma boa pescaria embarcada.

 

Outro ponto forte da fazenda é a plantação de soja e milho.

 

 

Nossa equipe foi muito bem recebida pela Diva e é ela quem preparava todas as nossas refeições. Comida simples e caseira. Bom demais !!!

 

 

A recepção do pesqueiro é grande. Possui uma área arejada para as refeições e o limpa peixe muito bem organizado e limpo.

 

A beleza do lugar esta em todos os cantos. A cada pedacinho da Fazenda você consegue ver lindas paisagens. Ao redor do restaurante tirei alguns fotos de flores e frutas como o coquinho e acerolas.

 

Na Fazenda há dois pontos com chalés, o primeiro próximo ao lago principal conforme foto abaixo e o outro perto dos tres lagos maiores e perto do restaurante.

 

 

E agora os chalés em frente ao lago de 9.300mts, onde ficamos alojados.

 

 

Os chalés que ficamos tem quarto com cama de casal, banheiro privativo, geladeira, ventilador de teto e TV.

Segue algumas fotos dos lagos do pesqueiro Miachon.

 

 

Os lagos menores estão forrados de tilapinhas e lambaris e em outros, pacus e curimbatas.

 

 

Nossa pescaria foi feita no primeiro lago em frente a pousada. No lago de 9.300mts.  Aqui no Miachon a pescaria é um pouco diferente dos demais pesqueiros. Aqui o peixe é selvagem e não está acostumado a comer iscas como massas, salsichas, ração e outras iscas que usamos com frequencia nos pesqueiros. E como eu só tinha levado salsicha, massa, rim e miçangas, fiz uma pescaria mais tranquila neste lago.

 

 

As iscas mais usadas aqui são a Tuvira, Pirambóia, Minhocoçu, Minhoca e as iscas artificiais, muito produtivas para os dourados e tucunarés.

 

 

Na Fazenda, é comum você estar pescando ao lado dos cavalos e do gado. Um ambiente rural e contato direto com a natureza.

 

 

Infelizmente levamos apenas as iscas convencionais e tivemos que nos virar com o que tínhamos. Com a Massa Paturi o Sr. Adimir fisgou dezenas de pacus de pequeno porte.

 

 

Olha aí o Sr. Adimir pescando e os cavalos ao redor. Para quem gosta de fazenda, a  Miachon é o lugar perfeito.

 

 

Tentei usar a cevadeira com miçangas, mas levei apenas 3 kg de ração flutuante e consegui brincar apenas no final do primeiro dia e fisguei alguns pacus pequenos. Grandes rebojos estouraram no meio do lago mas eu não tinha mais ração para continuar.

 

Começei então a pesca de fundo com rim de boi e os dourados apareceram. Imagine se eu tivesse levado as tuviras…

 

 

Os Dourados da Miachon brigam demais. Tem a coloração forte, bem diferente dos outros pesqueiros. Isso prova a qualidade da água.

 

 

Não esqueçam de levar iscas vivas e as artificiais ao Miachon. Só assim para fisgar os grandes peixes.

 

 

Nesse primeiro lago em que ficamos a água é extremamente limpa. Você sempre vê os peixes no meio do lago, mas ao menor movimento na magem, ele afundam. Aqui a pescaria é difícil, igual a pesca em rios e grandes represas.

 

 

Outra pescaria muito divertida foi a pescaria que fiz nos lagos menores. Usando uma pequena vara de mão de 1,40mts e linha mono 0,15mm e anzol micro, fisguei dezenas e dezenas de lambaris, carás, tilapinhas e até alevinos de dourados.

 

 

 

Aproveitando que eu não tive sorte por causa da mudança de tempo e por não ter iscas apropriadas para o local, resolvi mostrar algumas fotos que estavam no pesqueiro. Algumas fotos são antigas e outras recentes, mas vendo as fotos vocês podem ter uma idéia dos peixes que tem nos lagos do Miachon.

 

A maioria dos pescadores do Miachon levavam os peixes embora. Hoje a pesca esportiva está sendo praticada um pouco mais. Apesar da quantidade grande de peixes que foram abatidos, ainda há uma grande quantidade de gigantes no lago.

 

 

Um lugar fascinante. Uma fazenda muito bonita, com grandes algos e a possibilidade do pescador pescar embarcado. Peixes cobiçados como o Tucunaré e o Dourado estão presentes nas águas do Miachon.

 

 

 

 

O valor para finais de semana nos chalés é bem abaixo do que a maioria dos pesqueiros mais proximos a São Paulo. Vale a pena conhecer.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gostaria de agradecer a Diva por receber nossa equipe e pelas refeições. Ao Dr. Miachon e a todos do pesqueiro.

 

Fotos por Marcio David, Daniela, Adimir e arquivo do pesqueiro.
Texto por Marcio David
Vídeos por Marcio e Daniela

 

Abraço

 

Marcio David

 

AGRADECIMENTOS


Fazenda, Pousada e Pesqueiro Miachon
Rod. Vargem Grande do Sul – Itobi, Km 3
Vargem Grande do Sul - SP

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca...

Please reload

boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

Varas Ultralight Luck Lure

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Fishingtur Pesca e Turismo 2019