Últimas Reportagens

Pesqueiro Taquari - Pescaria com os gigantes do taqua

03/03/2019

Local: Pesqueiro Taquari - São Roque - SP

 

Fala ai Marcião, galera e leitores do Fishingtur,

 

Mais uma vez com a oportunidade dada pelo Fishingtur vamos mostrar a nossa bela pescaria no Taquari.

 

Nessa pescaria fomos eu, Zé Paulo (zeppha), o Willian (pingüim), o André e o meu filho Murilo (mu).

 

Nesse nosso relato não vamos postar as fotos de quantidade de tambas fisgados nesse dia pela galera mas sim os baguás que sairam onde o gigantismo predominou.

 

Chegamos no pesqueiro por volta da 5:50hr e já tinham 4 carros no local que para a nossa sorte ao que parecia era uma galera que estavam indo pela 1° vez no pesqueiro.

 

Aquela espera, o tempo que não passa nunca, conversa aqui e ali e fomos trocar idéia com a galera do Fishingtur que também estava na fila.

 

Enfim chega a hora da abertura e nós resolvemos ficar na parte rasa pois na última pescaria fizemos uma grande pesca por lá na parte da tarde.

 

Aquela correria de sempre para chegar no local, é lógico que respeitando a ordem de chegada dos carros da nossa frente, isso é fundamental em um pesqueiro o “respeito”.

 

Para a nossa sorte ninguém no local, a pressa em montar as tralhas, todos nós optamos em cevar muito antes da pesca com cevadeiras gigantes sem montar o chicote para não atrapalhar os arremessos, mandamos aproximadamente 20 a 25 copadas cada um, como não estava ventando foi fatal, com um grande volume de ceva que fizemos os tambas ficaram por lá o dia inteiro, isso realmente fez a diferença na pescaria. Detalhe é que o pesqueiro estava muito, mas muito cheio.

 

Começamos cada um ao seu estilo, um com miçanga ou com evas, outro com guabi na pinga, todos com bóias cevadeiras o chicotes de 2 a 3mts e bóia de sinal e anzol de robalo ou chinu.

 

O Will insistia nos evas enquanto eu e o André resolvemos ficar com guabi, logo a bóia do Will desce e ele fisga com coragem e uma briga muito lenta e pesada começa, bóia na superfície (o que esta muito comum no taqua), ele fala: -Zé, baguá na linha.

 

Enquanto ele briga e já tirando o sarro da gente, a bóia do André também desce e  outra briga pesada, caramba e eu? Kkkkkk inacreditável minha bóia também vai, 3 tambas na ponta da linha, eu passo a vara para o Murilo para ajudar o Will que já estava com o baguá na beirada, quando levanto o bicho para fora, 21kg, o Will zoa falando: -o meu é o maior kkk.

 

E o André e o Mu brigavam com seus tambas, o Will solta o dele torce para os outros serem menores kkkkk, depois de muito tempo o peixe do André encosta e baguaaaá, 28kg, eu passo o passaguá e deixo ele na água esperando o peixe do Mu se entregar para fotografarmos o duble, quando o do Mu encosta, uauuuu outra bisteca de 26kg. Loucura, 3 baguas na sequencia, peixes nos braços. (detalhe tanto o do André quanto o do Murilo foram recorde deles). 


Ai sim logo cedo 3 bitélos fisgados.

 

No decorrer do dia foram vários peixes fisgados, foi um dia em que os grandes tambas estavam no raso pois os pescadores que estavam por ali também fisgaram alguns.

 

Logo depois na sequência Will bate mais um tamba, era o dia do moleque, mais um baguá para os braços do pescador.

 

As iscas que funcionaram bem foram a guabi na pinga com chicote de 2 a 3mts e miçangas caramelo na profundidade de 20 a 50cm profundidade, os evas não funcionaram muito no decorrer do dia pois os tambas comiam bem só que logo desciam.

 

 

 

 

 

 

Foram muitos, mas muitos tambas pegos de 10 a 28kg.

 

Abraços

 

Zé Paulo


AGRADECIMENTOS

 

Pesqueiro Taquari

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca...

Please reload

boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

Varas Ultralight Luck Lure

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Fishingtur Pesca e Turismo 2019