Últimas Reportagens

Pesqueiro Taquari – A temporada já começou e os gigantes estão atacando no Taquari

03/03/2019


Local: Centro de Pesca Taquari  -  São Roque  -  SP
Data: 23 de setembro de 2010

 

Olá Amigos.

 

Estivemos no Pesqueiro Taquari no dia 23-09-2010. Já com o tempo esquentando nos animamos em ir no excelente Taquari, eu José Paulo(zeppha), o Claudio (piranha) e o Bruno.

 

Sempre com grandes possibilidades de bater os grandes baguás que lá habitam. E eu em especial estava muito motivado pois em minha última ida ao pesqueiro em maio de 2010 bati meu primeiro grande Tamba.

 

Chegamos por volta da 7:15h e já haviam alguns pescadores acomodados. Escolhemos ficar na parte rasa perto da lanchonete pois os últimos baguás que sairam foram perto dali. O tempo ajudou pois estava quente mas sem muito sol.

 

Montamos nossas tralhas com Varas Pampos de 2,40 e 2,70 mts, Varas Kenzaki de 2,40 mts e Carretilhas Shimano Curado.

Logo no início eu e o Bruno já batemos pequenos Tambas e Carpas, mas como eram pequenos não fotografamos. Estávamos todos com miçangas e ração na pinga e eu ainda deixei uma vara armada com pão flutuando.

 

Por volta das 10:00hs meu torpedinho com pão flutuando começa a sair de lado só que eu estava um pouco longe e tinha acabado de arremessar minha cevadeira, sai correndo pois sempre entra grandes exemplares no pão, quando estava chegando perto a torpedo desceu e a fisgada foi certa, a briga foi grande, sorte que não havia ninguém pescando por perto. Depois de 20 minutos o Tamba se rendeu.

 

E ele se anima e logo bate outro, esse um pouco maior, os dois na ração na pinga.

 

 

Nas outras pescas que já fiz no Taquari nunca tinha visto os peixes baterem tanto na ceva como nesse dia, estava impressionante, muitos tambas batendo mesmo quando estava ventando, só que os peixes não atacavam as iscas. Foram mais algumas capturas sem registros, Até que uma carpa apareceu.

 

Na parte da tarde o tempo ficou ainda melhor com nuvens e calor, perfeito para que os grandes subissem. Eu perdi a conta de quantas miçangas diferentes usei, realmente trabalhei muito na tentativa de bater os monstros, mais estava difícil.

 

Por volta das 16:00hs eu disse para o Bruno: -Cara, eu ainda vou bater um baguá hoje. Lembrei de uma matéria que lí em uma revista de pesca em que o pescador tirou o boné levantou as mãos para o céu e pediu um grande peixe, 5 minutos depois ele bateu uma grande Piraíba. Comentei isso com o Bruno, recolhi minha vara peguei uma miçanga diferente: cinza, pois imaginei que a cor refletiria bem na água, mandei com Eva a 10 centímetros de profundidade, uma explosão e minha bóinha sumiu, fisguei e o bicho correu.

 

Olho para os lados e falo: -Tá pesado ! …e o bicho toma linha tentando ir para o fundo.
O Bruno fala: -Vai subindo atrás dele !
Eu digo: -Não, vou travar no dedo, se quebrar a linha já curti a briga.

 

Para a minha sorte o bicho desiste de subir o lago e volta para o raso mas não desiste da briga, 30 minutos depois ele quis me conhecer e veio para meus Braços, há há há há.

 

Depois levantei as mãos e agradeci a Deus, abri uma cerveja e baixei a adrenalina.

 

Ainda tive várias ações que me pareceram grandes tambas, mas que escaparam. Um grande dia que é só o começo do calor, imaginem o que vem por ai no verão.

 

E aproveitando segue abaixo duas fotos de nosso amigo Anderson Morimoto com um gigante fisgado recentemente no Taquari e no mesmo dia outro belo exemplar de 24kg, ambos fisgados na cevadeira e com pão de isca.

 

 

 

Agradecemos os meninos que atendem a beira do lago, todos trabalham com muita alegria, isso é muito importante para nós pescadores.

 

Um abraço e vamos TRABAIÁÁÁÁÁÁ

 

José Paulo

 

AGRADECIMENTOS

 

Centro de Pesca Taquari

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca...

Please reload

boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

Varas Ultralight Luck Lure

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Fishingtur Pesca e Turismo 2019