Últimas Reportagens

Clube Pescar - Luziânia - GO

06/03/2019

   Olá pescadores e admiradores do Fishingtur!

 

   Meu nome é Levy e gostaria de compartilhar com vocês essa maravilha de pescaria que participei com meus dois amigos Álvaro e Crescêncio aqui do Rio de Janeiro. Saímos daqui as 06:00 da manhã e chegamos ao aeroporto de Brasília às 8h00min onde o Sérgio, funcionário do Clube Pescar já nos aguardava. Uma viagem de apenas 40 minutos e já estávamos no pesqueiro, localizado no município de Luziânia-GO. Sempre é uma satisfação chegar a esse Clube de Pesca, por sua estrutura muito bem montada por seu proprietário Cássio Barbosa, proporcionando aos pescadores um lugar limpo, bonito, e com muitos mas muitos peixes. Arrumamos nossas tralhas e fomos a luta.

Equipamentos: 

Tambas:
-Varas airon dark 25 libras 1,98m e Infinit 30 libras 2,10m
-Carretilhas GTO Big Game Tournament e Shimano curado 300 ej
-Linhas 0,35 mono e 0,50 multi.


Pirararas:
-Varas Evolution 80 libras e Straiker 45 libras
-Carretilhas Shimado corvalus e Penmn 330 LD
-Linhas 0,65 multi e 0,80 multi.

Com poucos arremessos no centro do lago, lugar preferido por nós, os tambacus já mostraram que iriam nos dar muito trabalho, e foi o que aconteceu, reparem que vários exemplares foram capturados e entre eles alguns belos tambaquis.

    Parada para o almoço na beira do lago, não poderia ser melhor uma excelente refeição muito saborosa só com um pequeno problema, quer almoçar com tranquilidade?? Tire todas suas linhas da água, porque lá os peixes não dão sossego, se você não quiser pegar peixe não deixe linha na água. Sempre na parte da tarde os peixes ficam muito mais ativos e os maiores começaram a aparecerem para as fotos. A noite todos cansados da viagem, preparamos nossas varas para as grandes pirararas que habitam os lagos do Clube Pescar e não demora muito e minha Penn 330 LD começa a gritar, corro e dou uma fisgada certa. Como nosso amigo Crescêncio nunca havia pego uma pirarara, passei a responsabilidade para ele e depois de grandes tomadas de linha, finalmente o Crescêncio tira a sua primeira do rabo vermelho, ofegante, mas muito realizado. Depois dessa fomos dormir para acordarmos cedo.

    Após uma boa noite de sono dentro de barracas com colchão de espuma de solteiro fornecido pelo pesqueiro, por volta das 6h00min já estávamos cevando o lago e podemos verificar que o dia seria bem proveitoso. Mesmo com chuva e vento os peixes não paravam de atacar nossas iscas que na grande maioria eram e.v.a’s e miçanga na cor café com leite, branca com vermelha e um tamborzinho que ganhei do nosso amigo Junior Fishingtur que teve o maior aproveitamento.

     Até o Alvaro que não gostava de pescar de cevadeira e carretilha, se rendeu a essa modalidade e passou a ser mais um adepto, fisgando exemplares até de 25 kg.

    Pescaria comendo solta e por incrível que pareça os peixes deram uma parada na superfície, rapidamente passei a colocar uma ração na pinga na ponta do anzol de robalo 2/0 que estava montado, os e.v.a’s com o tamborzinho, e acreditem só estava entrando os grandes até que após uma grande explosão minha boia sumiu com uma corrida para o lado que pensei ser um tambaqui, e após uma grande briga com longas tomadas de linha, veio para a foto esse belo e grande tambacu.

     E não parou por ai não, os peixes continuaram a sair entre eles matrinxãs e belos tambaquis.

     No finalzinho da tarde um pescador estava "passeando" com um grande peixe por toda a lateral do lago e após mais de uma hora de briga, acreditem com uma vara 25 libras e linha 0,30 mm multi, consegue tirar essa enorme pirarara que pesou 36 kg. Banho, janta e linha na água para as pirararas, que infelizmente não estavam querendo muito aparecer. Fui dormir devido ao cansaço e fui acordado pelo Alvaro, “vai lá amigo, segura que o filho é seu", corri fisguei e após muitas tomadas de linha veio pro meu colinho esse bonita pirarara que pesou 31 kg.

     No dia seguinte então ficamos sabendo o motivo de ter saído poucas pirararas, o proprietário do Clube Pescar, está transferindo todas as pirararas para o grande lago que existe na propriedade onde as piras que lá existem crescem com maior rapidez, devido ao tamanho e profundidade deste lago serem bem maior, o que vai proporcionar aos pescadores uma briga muito mais demorada.

 

     Espero que tenham gostado da matéria, gostaríamos de agradecer ao Cássio pela grande recepção e a todos os funcionários do Clube Pescar pela atenção a carinho, principalmente a Neia e ao Sérgio com quem tivemos maior contato. Queremos agradecer também aos amigos do site Fishingtur por nos apresentar esses maravilhosos pesqueiros e nos permitir dividir com vocês nossas experiencias.

 

Abraços!

 

Levy


AGRADECIMENTOS


Clube Pescar

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca...

Please reload

boias de pesca, boia cevadira, boia torpedo
Carretilhas de Pesca Penn
Contato Fishingtur

Parceiros

Varas Ultralight Luck Lure

O maior portal de Pesca e Turismo do Brasil

Fishingtur Pesca e Turismo 2019